O que aprendi sobre Constelação Sistêmica

Fazia tempo que eu queria escrever sobre isso. A semana está tão cheia de novidades que não consegui terminar meu resumo do Detox de Dinheiro desse final de semana, então vou aproveitar para terminar esse que fiz de constelação.

Ainda não achei uma definição do jeito que eu gosto, preto no branco mesmo sabe? Assim que eu achar vou colocar lá na Seção Índice/Indico – Cursos e Terapias

Mas gostaria de falar o que eu aprendi, ouvindo aqui e ali, e que vou explicar com as minhas palavras:

1 – Não há nada de místico ou espiritual em um processo de constelação. A técnica foi desenvolvida por um psicólogo e há explicações do porque assumimos papéis dentro de um determinado grupo.

2 – Leis sistêmicas – Essa parte aprendi em uma sessão, quando a terapeuta explicou a parte teórica. Princípios:

  • Pertencimento – Tudo e todos tem o direito de pertencer. Muitas vezes bloqueamos uma área de nossa vida porque estamos bloqueando o direito de uma pessoa existir, da forma como ela é. Por exemplo: Não aceitar o defeito de um ex parceiro bloqueia sua vida amorosa. Honre as pessoas que passaram por sua vida. Você pode não querer mais conviver com elas, mas é preciso honrar o direito da pessoa ser como ela é, mesmo que longe. Essa aceitação do direito de pertencimento ajuda a vida a fluir sem bloqueios e crenças limitantes.
  • Ordem – Quem veio primeiro, veio primeiro. Quem veio depois, veio depois. Simples assim. Em constelações empresariais por exemplo, a dinâmica pode mostrar conflitos e bloqueios causados pela falta de entendimento desse princípio. A hierarquia não deixa de funcionar, porém, é preciso entender o papel que o princípio da ordem tem em um grupo para que as relações sejam harmônicas.
  • Equilíbrio – As relações buscam o encaixe perfeito. Se um chefe acredita que só encontrará funcionários incompetentes, se uma mulher acredita que nenhum homem “presta”, se um homem acha que não é digno de receber amor, cada um encontrará o seu encaixe perfeito para refazer o equilíbrio de acordo com suas crenças, conscientes e inconscientes.

Apenas assistir a uma sessão já altera algo em você. Eu imagino o quanto deve ser transformador ser o constelado!

Amei!

Sofia

P.S. Na seção Índice/Indico – Cursos e Terapias vou colocar o link para a reportagem que conta como o poder judiciário brasileiro está usando a constelação para facilitar o processo conciliatório nas varas de família.

P.S. Foto de Bobby Stevenson

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s